sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Animais ou plantas?






O ecossistema marinho é rico em biodiversidade. Podemos observar, em rochas litorâneas submersas, inúmeras espécies de diferentes grupos de seres vivos que disputam mínimos espaços e estabelecem diferentes tipos de relação. Nas zonas de recifes, por exemplo, rosas-do-mar (anêmonas) e corais crescem dispersos entre os talos coloridos de muitas espécies de algas. Esses animais fixos exibem belas cores, uma típica simetria radial e lembram flores, com seus tentáculos semelhantes a pétalas abertas. Além disso, eles têm capacidade de fotossíntese, o que, sabemos hoje, deve-se à presença de zooxantelas e zooclorelas, as microscópicas algas que vivem em mutualismo (simbiose) no interior de seus tecidos. Sabemos, por outro lado, que as primeiras classificações zoológicas se baseavam em critérios anatômicos externos e que, por isso, durante muito tempo, os cnidários foram considerados vegetais.
                                                                        (Biologia CÉSAR e SEZAR. Vol. 2, p. 79, Ed. Saraiva.)


Nenhum comentário:

Postar um comentário